Crônica da Partida

Com virada historica sobre o Villa, City é campeão inglês

Com virada historica sobre o Villa, City é campeão inglês
Premier League
Premier League
dom 22 mai
3
2
Ilkay Gündogan 
76, 81
Rodrigo 
78
Matthew Cash 
37
Philippe Coutinho 
69
Três gols em cinco minutos no segundo tempo para selar mais um título da Premier League!

Depois de estar perdendo por 2 a 0 no meio do segundo tempo, a equipe de Pep Guardiola parecia estar a perigo de perder a taça para o Liverpool, que vencia o Wolves por 3 a 1

No entanto, em cenas incríveis que lembram nosso primeiro triunfo na Premier League há 10 anos, com o mesmo placar incrível, encenamos a mais inacreditável das reviravoltas para conquistar a taça, quando um gol do substituto Ilkay Gundogan e um gol de Rodrigo levantaram a tampa do Etihad.

Foi uma luta cheia de garra e caráter e digna de um campeão.

E isso significou que mantivemos a coroa, garantimos um quarto título em cinco anos sob o comando de Pep Guardiola e entregamos ao capitão do clube, Fernandinho, a despedida perfeita.

UM DIA PARA GUARDAR

Com tanto em jogo, houve uma carga para a ocasião com torcedores se reunindo fora do Etihad com horas de antecedência e o ônibus do time do City sendo recebido por um exército de torcedores apaixonados e fumaça azul.

A atmosfera no início das equipes também foi arrepiante - com o Etihad também se despedindo com carinho do capitão do clube, Fernandinho, após nove anos fabulosos de serviços prestados.

Mas, primeiro, havia a pequena questão dos 90 minutos mais urgentes da temporada para disputar, enquanto buscávamos a vitória que confirmaria um quarto título da Premier League em cinco anos.

E Villa enviou um lembrete gritante de que eles não viriam apenas para brincar. Uma intervenção oportuna de Fernandinho negou ao compatriota brasileiro Philippe Coutinho um cabeceamento claro no gol.

O Villa foi quem abriu o placar, ao marcar com gol aos 37 minutos por meio de Matty Cash.

Emiliano Buendia fez a incursão inicial no nosso meio-campo antes de passar para o atacante Lucas Digne no, flanco esquerdo.

O francês fez um cruzamento preciso no coração da área e o lateral Cash estava lá para concluir, passando por Ederson.

ONE OF OUR OWN: Phil Foden powers forward
ONE OF OUR OWN: Phil Foden powers forward

Com o os visitantes indo para cima, foi necessário um belo desvio de John Stones para bloquear Ollie Watkins depois que o atacante da Inglaterra escapou de Fernandinho.

Uma tarde tensa de repente ficou ainda mais estressante e, embora o City pressionasse e atormentasse, p Villa se mostrou obstinado.

Houve uma mudança na formação do City após o intervalo, com Oleks Zinchenko substituindo Fernandinho, Stones indo para o miolo da zaga com o ucraniano na esquerda da defesa e Cancelo mudando para a lateral direita.

E Zinchenko quase teve um impacto instantâneo quando sua corrida tortuosa quase encontrou Jesus antes que o brasileiro fosse bloqueado.

Rodrigo também chutou para fora da entrada da área, mas nossa fluidez habitual não aparecia.

A tensão era quase insuportável quando o jogo entrou no último quarto. Guardiola fez as mudanças, trazendo Raheem Sterling e Ilkay Gundogan em um esforço para encontrar uma abertura.

Em vez disso, no entanto, foi o Villa quem marcou o segundo gol a 21 minutos do final, por intermédio de Coutinho.

O brasileiro pegou uma bola alta na beira da área do City e correu por fora de Aymeric Laporte antes de despachar um chute rasteiro através de Ederson.

Sterling e Gundogan se entrosaram para diminuir o déficit a 15 minutos do final, com o alemão cabeceando convidativa bola cruzada por seu colega.

E em dois minutos. houve um pandemônio no Etihad quando o City empatou dramaticamente.

Zinchenko foi o garçom desta vez, rompendo o flanco esquerdo antes de inteligentemente cortar a bola de volta para o Rodri, que esperava na entrada da área.

O espanhol despachou um tiro rasteiro que atingiu o canto da rede para desencadear cenas selvagens

Mas isso não foi nada comparado ao que aconteceu dois minutos depois, quando Gundogan atacou novamente para explodir o teto do Etihad com seu segundo - e nosso terceiro.

De Bruyne então pingou uma de suas bolas de curva e, no segundo poste, estava Gundogan.

Cenas de alegria e caos absolutos em campo.

Com a atmosfera em alta e com nossos torcedores apaixonados atuando como um 12º homem, fizemos o tempo correr para garantir a mais dramática, mas merecida, vitória do título da Premier League.

Que temporada... que time!

times

CITY: Ederson, Stones, Laporte, Fernandinho (Zinchenko 45), Cancelo, Rodrigo, De Bruyne, Bernardo (Gundogan 69), Foden, Jesus, Mahrez (Sterling 56)
Subs: Carson, Walker, Ake, Grealish, Palmer, McAtee

ASTON VILLA: Olsen, Cash, Chambers, Mings, Digne, Ramsey, Luiz, McGinn, Buendia, Watkins, Coutinho (Nakamba 72).
Subs: Sinisalo, Sanson, Traore, Young, Ings, Chukwuemeka, Chrisene, Iroegbunam.

homem do jogo

Tem que ser Ilkay Gundogan.

O alemão já havia produzido muitos momentos mágicos para nós através dos anos, mas, agora, se tornou uma lenda do clube.

Tudo parecia perdido, até que ele apareceu e marcou dois gols. Sem palavras.

 

News about Man City v A Villa"

Fernandinho: Quinto título de Premier League é um sonho realizado

Capitão somou mais um troféu à sua passagem maravilhosa pelo City Read more

City 3-2 Aston Villa: Resumo Estendido

A virada espetacular sobre o Aston Villa no dia final da Premier League - e o título inglês em versão estendida Watch more

Atualização de lesões: Dupla se aproxima de retorno

Pep Guardiola diz que John Stones e Kyle Walker podem participar do confronto decisivo de domingo contra o Aston Villa. Read more

Campeões: Comemorações no Vestiário

As cenas de bastidores após a virada incrível sobre o Aston Villa que nos deu um título histórico de Premier League Watch more

Jack Grealish empolgado antes de decisão contra o Aston Villa

Título será decidido contra ex-clube do camisa 10 Read more

City 3-2 Villa: Melhores Momentos

O melhor do jogo histórico que nos deu o título da Premier League 2021/22! Watch more

Guardiola: Devemos aproveitar o momento nesse fim de semana

Pep Guardiola pediu aos jogadores e torcedores do City que aceitem a pressão de estar a apenas uma vitória de outro título da Premier League. Read more

Pep cam: City 3-2 Aston Villa

As reações de Pep Guardiola durante o jogo decisivo da Premier League Watch more

Guardiola: Esse time do City é lendário

Técnico campeão não mediu palavras ao elogiar elenco Read more

Gundogan: O destino ajudou a levar o City à glória do título!

Ilkay Gundogan acredita que o "destino" foi uma força-chave por trás de seu impacto decisivo na vitória do último jogo da temporada. Read more

Ver todos os parceiros do clube

Mancity.com

31?
loading