O City manteve a pressão sobre o líder Arsenal com uma excelente vitória por 4 a 0 sobre o Brighton.

Com o City fora de ação na Premier League por 12 dias, tanto os Gunners quanto o Liverpool ficaram acima da equipe de Pep Guardioladurante esse intervalo.

Mas, sabendo que seis vitórias garantem outro título, os Blues mostraram seu melhor futebol no sul da Inglaterra, anulando uma equipe do Brighton que havia sido derrotada apenas duas vezes em casa nesta campanha.

No primeiro tempo, Phil Foden marcou dois gols depois que Kevin De Bruyne abriu o placar.

Julian Alvarez acrescentou um quarto gol no segundo tempo para reduzir a diferença para o Arsenal para apenas um ponto.

o que aconteceu

Era evidente, quase desde o início, que o Brighton tinha um plano especial para a visita dos campeões.

Havia pouco ou nenhum espaço para os jogadores do City operarem, com os anfitriões fechando os espaços rapidamente e marcando com firmeza.

Era uma pressão alta que exigiria um alto nível de condicionamento físico para ser mantida por 90 minutos e, portanto, era uma espécie de aposta.

Os passes dos Blues, no entanto, eram precisos e, aos poucos, foram surgindo brechas, até que saiu o primeiro gol aos 17 minutos.

Foden acionou Kyle Walker pela direita, o capitão cruzou para De Bruyne e o belga deu um salto para frente para marcar um bonito gol de cabeça.

A reação de De Bruyne – um sorriso radiante e quase um encolher de ombros – foi prova suficiente de que gols como esse foram poucos e raros em sua magnífica carreira até hoje!

Mas as coisas iam melhorar para o City – muito mais.

Nove minutos depois, Foden recebeu uma falta fortuita na entrada da área do Brighton e, ao chutar, viu a bola ser desviada em Pascall Gross e enganar o goleiro Jason Steele, fazendo 2 a 0.

Oito minutos depois, Foden marcou seu 24º gol na temporada, e o Brighton só podia culpar a si mesmo.

Sua determinação em fazer jogadas complexas em torno do próprio gol parecia arriscada sempre que tentavam, e havia um ar de inevitabilidade quando Bernardo finalmente interceptou uma bola perdida e passou para Foden, que, com frieza, chutou no cantinho.

Nem mesmo o mais otimista dos torcedores imaginaria o City vencendo por 3 a 0 no Amex aos 36 minutos de jogo, mas a vantagem foi totalmente merecida.

Os Seagulls saíram em disparada após o intervalo, buscando o gol que daria início a uma espécie de recuperação, mas o City resistiu à pressão inicial e logo criou chances do outro lado.

O quarto e decisivo gol do City foi marcado pouco depois da marca de uma hora de jogo e Ederson desempenhou um papel importante, lançando uma bola no caminho de Walker, que se aproximou do gol e colidiu com o goleiro antes de Alvarez marcar seu primeiro gol em 10 jogos à queima-roupa.

Houve chances em ambos os lados no tempo que restou, mas o City venceu confortavelmente sem muitos problemas.

TimeS

BRIGHTON XI: Steele, Veltman (Offiah 46), Van Hecke, Dunk, Barco; Gross, Baleba, Lallana (Adingtra 46), Moder (Igor 57), Joao Pedro, Welbeck (O’Mah 75)

Subs: Verbruggen, Webster, Enciso, Fati, Buonanotte

CITY XI: Ederson, Walker (Lewis 78), Akanji, Aké, Gvardiol, Rodrigo (Gomez 79), Kovačić, De Bruyne (Nunes 72), Bernardo (Doku 78), Foden (Grealish 72), Alvarez

Subs:  Ortega Moreno, Dias, Stones,  Bobb

ESTRELA DO JOGO: FODEN

Cintilante, incisivo e cheio de habilidade, Phil Foden leva as honras, embora menções honrosas sejam necessárias para os excelentes Kevin De Bruyne e Kyle Walker.

50 PARA O MÁGICO PHIL

O Clube celebrou o marco de 100 gols para Kevin De Bruyne recentemente, quando o craque belga se tornou o primeiro meio-campista do City desde Colin Bell a alcançar tal feito.

Parece que não vai demorar muito para comemorarmos esse mesmo feito novamente com Phil Foden, que parece no caminho de atingir três dígitos antes dos 25 anos.

Seus dois gols contra o Brighton o levaram a 51 gols na Premier League e, com um total de 84, o jogador de 23 anos já marcou oito a mais do que em qualquer outra temporada anterior e ainda tem a possibilidade de marcar mais nos seis jogos que faltam.

O astro nascido em Stockport está tendo a melhor temporada de sua vida.

PRÓXIMA PARTIDA

CALENDÁRIO

Premier League

N Forest

BST

Man City
Manchester City

O QUE ISSO SIGNIFICA

O City subiu para a segunda posição na tabela e agora está atrás do Arsenal por apenas um ponto.

Os Blues têm uma partida a menos, mas o time do norte de Londres tem um saldo de gols melhor (oito a mais que o City).

O Liverpool caiu para o terceiro lugar na tabela.

O QUE VEM A SEGUIR?

O City viaja para encarar o Nottingham Forest no domingo, com o pontapé inicial marcado para as 16h30 (Reino Unido).

O Arsenal joga fora de casa contra o Tottenham no início do dia, de modo que a corrida pelo título da Premier League terá se aproximado um pouco mais de um desfecho potencialmente emocionante.

Os Blues receberão o Wolves no Etihad seis dias depois, no sábado, 4 de maio, com o pontapé inicial marcado para as 17h30.

News about Brighton v Man City

De Bruyne: Foden subiu um nível

Kevin De Bruyne acredita que a fenomenal habilidade futebolística de Phil Foden atingiu novos patamares nesta temporada. Read more

Foden: KDB em forma é o melhor da Premier League

Phil Foden diz que jogar com Kevin De Bruyne o está ajudando a brilhar na luta por outro título em 2023/24. Read more

Haaland não joga contra o Brighton, diz Guardiola

Pep Guardiola afirmou que Erling Haaland não estará disponível para enfrentar o Brighton na noite de quinta-feira. Read more

50 gols de Foden na Premier League

Phil Foden ultrapassou a marca de 50 gols na Premier League na vitória por 4 a 0 sobre o Brighton. Read more

Brighton 0-4 City: Melhores Momentos

O melhor de uma exibição quase perfeita no Amex... Watch more

Galeria: preparação para enfrentar os Seagulls!

Um dia até nosso próximo compromisso na Premier League... View more

Galeria: City estende série invicta na liga com a vitória sobre os Seagulls

Veja as melhores imagens de nossa excelente vitória por 4 a 0 sobre o Brighton pela Premier League. View more

Pep: o Brighton será um de nossos testes mais difíceis

Pep Guardiola afirmou que a partida contra o Brighton and Hove Albion na noite de quinta-feira pela Premier League será um dos jogos mais difíceis da temporada. Read more

Brighton 0 x 4 Man City: os melhores momentos, versão estendida

O melhor da nossa magnífica vitória sobre o Brighton, fora de casa, agora em versão estendida. Watch more

Guardiola: a pressão nos impulsiona

Pep Guardiola diz que a intensa pressão sobre seus jogadores os está motivando. Read more