Crônica da Partida

Vitória no retorno à Premier League para tirar a ferrugem

UP AND RUNNING: Kevin De Bruyne makes no mistake with his penalty
Premier League
Premier League
seg 21 set
1
3
Raúl Jiménez 
(78’)
Kevin De Bruyne 
(20’), 
Phil Foden 
(32’), 
Gabriel Jesus 
(95’)
Ver melhores momentos
O City dominou o Wolverhampton e começou a temporada com o pé direto

Estamos de volta! E com o ritmo intenso, semelhante ao da temporada passada. Uma boa vitória contra um valente Wolverhampton

o que aconteceu

Para a estreia na Premier League, Pep Guardiola mandou a campo o estreante Aké ao lado de John Stones na defesa. Com isso, Fernandnho voltou a atuar no meio-campo, ao lado de Rodri e De Bruyne. No ataque, Gabriel Jesus começou como centroavante, tendo Sterling e Foden pelas alas.

E a contagem de gols no City na temporada começou aos 18 minutos. Lançado na ponta da área, De Bruyne foi derrubado por Saiss e o juiz apontou a cal. O próprio belga se apresentou para cobrar e colocou a bola no canto de Rui Patrício. O primeiro tinha que ser do craque!

O City acelerou a troca de passes e passou a envolver o Wolverhampton. Aos 29, Foden achou Sterling, que chutou para a boa defesa de Rui Patrício.

E o segundo veio com cara de City, em uma troca de passes espetacular e com a assinatura de Guardiola. De Foden para Jesus, de Jesus para De Bruyne, enfiada para Sterling e rolada para o meio, para Foden chegar batendo. Um golaço!

O City ainda teve uma chance incrível de ir para o intervalo vencendo por 3-0 quando Jesus tocou de cabeça para De Bruyne, que partiu em velocidade e finalizou para ótima defensa de Rui Patrício.

O domínio do City se manteve na segunda etapa. Gabriel Jesus foi quem teve a primeira boa oportunidade, cortando o zagueiro e chutando nas mãos do goleiro adversário.

O Wolverhampton assustou quando Podence girou em cima de Stones e chutou com perigo - a bola esbarrou no ferro do lado de fora da rede. O mesmo Podence teve outra chance ao ser lançado em velocidade, mas tentou encobrir Ederson e acabou chutando para fora.

Os adversários martelaram tanto que acabaram diminuindo. Foi Jiménez, de cabeça, quem balançou a rede.

Antes do apito final, Jesus ainda fechou a conta quando lutou pela bola no campo de ataque e chutou. O desviou matou Rui Patrício e terminou a partida bola no fundo da rede.

Quem também entrou em campo foi Ferrán Torres, outra contratação do City no verão. Aos 81, ele entrou no lugar de Sterling.

um bom começo para aké

Confiante, Aké chegou ao City e já foi escalado como titular em sua primeira partida.

Teremos testes mais duros pela frente, mas o holandês já mostrou segurança quando exigido - e a qualidade na saída de bola que é requisito para atuar em times de Pep Guardiola.

Ao lado de Stones, os dois formaram uma bela dupla.

o que isso significa

O City começou a campanha na Premier League uma rodada mais tarde que a maior parte de seus adversários. 

O que vem a seguir

O City começa a defesa da Carabao Cup contra o Bornemouth na quinta-feira no Etihad Stadium. No domingo, voltamos à Premier League para receber o Leicester.

escalações

Ederson, Walker, Mendy, Ake, Stones, Fernandinho, Rodrigo, Foden, De Bruyne, Jesus, Sterling (Torres 81)

Banco: Steffen, Mahrez, Otamendi, Delap, Doyle, Bernabe

Ver todos os parceiros do clube

Mancity.com

31?