Masculino

Pep alcança outro marco notável no City

A nova extensão de contrato de dois anos de Pep Guardiola veio logo após outro marco alcançado pelo técnico do City no início desta temporada.

À primeira vista, a data de 26 de setembro de 2022 não era especial, mas naquele dia Pep marcou seu 2.278º dia no comando do City, ultrapassando Joe Mercer e tornando-se o segundo técnico mais antigo na história do clube no pós-guerra.

Desde que assumiu o comando em 1º de julho de 2016, Guardiola deu início a um período de sucesso sem paralelo nos orgulhosos 128 anos de história do City.

Uma coleção de 11 troféus importantes até o momento ajudou a consolidar a posição de Pep como o técnico mais bem-sucedido de todos os tempos do clube, além de conquistar merecidamente seu lugar como uma das figuras icônicas do futebol inglês.

E com seu novo contrato até o verão de 2025, o técnico de 51 anos está em uma posição ideal para estender ainda mais seu  sucesso no City.

Les McDowall, que esteve no comando do clube por quase 13 anos entre junho de 1950 e maio de 1963, detém o recorde de passagem mais longa no comando da história do City no pós-guerra.

Mas a contagem de Pep de 374 jogos competitivos no comando agora é a segunda no geral apenas atrás de McDowall, que foi técnico do City em 587 partidas.

Antes da chegada de Guardiola, o reinado do falecido Mercer foi considerado uma era de ouro em termos de conquistas, valores e estabelecimento de filosofia central do City buscando um futebol de ataque vibrante.

Mercer assumiu o comando do City em 13 de julho de 1965 e, ao lado do visionário técnico Malcolm Allison.

Um título da liga, uma FA Cup, a League Cup e a European Cup Winners Cup foram conquistados sob Mercer, que passou mais de seis anos à frente do City antes de se afastar do cargo para se tornar gerente geral em 7 de outubro de 1971.

O reinado de Mercer foi uma grande referência pela qual todos os sucessores subsequentes do City aspiraram.

De todos os técnicos do City que seguiram os passos ilustres de Joe, é justo dizer que os princípios de Guardiola de um estilo de futebol sedutor e esteticamente bonita o estabeleceram como o técnico moderno que Mercer mais admiraria.

Tendo passado seis anos e meio no comando do clube até o momento, o reinado de Guardiola já é o mais longo de sua carreira, superando suas passagens de sucesso no FC Barcelona e Bayern de Munique.

Antes de chegar ao Etihad, Guardiola passou quatro temporadas no comando do Barcelona entre 2008 e 2012, garantindo dois títulos da Liga dos Campeões, três títulos da La Liga, duas Supercopas da UEFA e duas Copas do Mundo de Clubes da FIFA.

Após um ano sabático com sua família, Pep embarcou em um novo desafio na Alemanha com o Bayern de Munique, passando três temporadas na Allianz Arena, onde conquistou ainda mais.

Três títulos da Bundesliga, duas Copas da Alemanha, uma Supercopa da UEFA e um Mundial de Clubes da FIFA são mais um testemunho da visão única e perspicácia de liderança de Guardiola.

E esse sucesso só continuou no City. Guardiola venceu quatro títulos da Premier League, quatro Copas da Liga, uma FA Cup e dois Community Shields.

Seu time estabeleceu um novo modelo de excelência no futebol e reescreveu a história do futebol inglês, com os Centurions de Guardiola se tornando o primeiro time na história da primeira divisão a alcançar 100 pontos em 2017/18.

Isso foi seguido, é claro, um ano depois pelos Fourmidables de Pep, a campanha de 2018/19 em que vencermos todos os quatro troféus nacionais.

Os títulos consecutivos da liga em 2020/21 e 2021/22 mostrou ue Pep's City também casa consistência com sua classe e qualidade inquestionáveis.

Desde o dia em que chegou, o técnico falou com eloquência sobre como se sentiu amado e valorizado no Clube. Com o novo contrato em vigor, sua percepção permaneceu a mesma.

“Estou desde o primeiro dia incrivelmente confortável com todos os departamentos do clube e para a diretoria é claro, mas principalmente trabalhando com esses jogadores”, destacou Pep.

“O que posso dizer das pessoas nas ruas, no estádio, como cuidam de mim e da minha família? É por isso que estou na sétima temporada aqui. Eu não esperava (tudo isso) quando chegamos."

“É porque estou confortável e mais importante, porque ganhamos muito, e quando você ganha muito, isso ajuda a continuar, porque esse clube agora, sinto muito pelo futuro, os padrões estão aí, e todos nós temos que lutar para mantê-lo alto.”

Aguardamos ansiosamente o próximo capítulo na história envolvente de Guardiola no City.

Ver todos os parceiros do clube

Mancity.com

31?
loading