O técnico do City, Pep Guardiola, disse que Kyle Walker sofreu uma pancada na vitória sobre o Manchester United na final da Copa da Inglaterra.

O lateral da Inglaterra, em excelente forma ultimamente, teve que ser substituído nos momentos finais da vitória por 2 a 1 sobre os Red Devils e, embora sua lesão nas costas tenha melhorado um pouco, sua condição física ainda será monitorada ao longo da semana.

“Ele teve uma pequena lesão nas costas”, disse Guardiola.

“Ontem ele não estava bem, hoje está um pouco melhor. Não queremos correr riscos, então vamos ver.”

Guardiola diz que sabe mais ou menos qual será seu time titular contra o Inter, embora a disponibilidade de Walker possa afetar isso, e o técnico do City diz que está relaxado e pronto para a final da Liga dos Campeões no sábado.

“Estou mais do que calmo”, disse ele.

“Estou muito grato pelo que os jogadores fizeram. Mas finais são completamente diferentes. O que vou fazer nos próximos dias é tentar entender o jogo que vamos jogar.”

“Jogaremos um tanto como jogamos. Mas haverá muitas dificuldades. Não é fácil atacar o sistema defensivo que eles utilizam.”

“Precisamos ser pacientes. Temos que ter o ritmo certo. Isso é o mais importante neste tipo de jogo.”

“À medida que o jogo avança, você pode ficar ansioso e isso pode ser um problema.”

“Eles estão acostumados a controlar os jogos na Itália. Eles têm bons padrões em todos os lugares. E temos que defender muito bem.”

“É uma final contra um time de ponta e temos que fazer isso. Estou confiante e muito otimista, mas ao mesmo tempo não posso negar a dificuldade que é enfrentar esse adversário.”

“Nunca neguei e nunca o faria na final de uma Liga dos Campeões.”