Leroy Sane deu crédito a Ilkay Gundogan e Benjamin Mendy por ajudá-lo a se recuperar desse pesadelo que foram os seis meses de lesão.

O alemão lesionou o seu ligamento cruzado anterior no joelho direito durante a vitória do Manchester City sobre o Liverpool em agosto, mas disse que seus companheiros de equipe foram pilares de apoio durante sua reabilitação.

CITY+ | Sign up to watch exclusive content

Ambos, Gundogan e Mendy sofreram com longos períodos afastados por resultado de lesões no ligamento do joelho e proporcionaram a Sane o benefício de sua experiência em todo o processo de recuperação, o que culminou em seu retorno à ação com a nossa equipe em desenvolvimendo (EDS) na semana passada.

“É claro que toda a equipe me apoiou”, disse ele.

“Mas eu estava conversando especialmente com Gundogan e Mendy um pouco mais sobre a lesão, o que eles fizeram, o que poderia acontecer e a experiência deles com tudo."

“Isso me ajudou muito, em saber como certas coisas são e o que pode acontecer. Isso me ajudou e estou muito contente por eles terem me ajudado com isso. ”

WATCH: Sane takes confidence from comeback

Quarenta e quatro jogos passaram desde que Sane saiu mancando no Estádio de Wembley.

É o mais longo período que ele fica sem jogar desde que se tornou profissional e o jogador de 24 anos admite que, depois de ouvir o prognóstico inicial, foi difícil aceitar que ele perderia tantos jogos.

No entanto, ele estava determinado a não insistir no que não podia fazer e também focado em retornar ainda mais forte, é por isso que, uma vez que sua reabilitação permitiu, ele trabalhou duro nas áreas que sentia necessidade de melhorar o seu jogo.

"Foi a lesão mais difícil e mais longa que já tive na minha carreira ”, e acrescentou. "É difícil."

"Especialmente no primeiro dia após a cirurgia, porque você não consegue se mexer e isso não é algo com que os atletas estejam acostumados."

"Você precisa se esforçar todos os dias porque sabe que é uma longa reabilitação, mas é uma boa oportunidade para trabalhar mais em outras fraquezas e foi para isso que aproveitei a oportunidade de me recuperar bem e voltar forte .”