Meia atuou em uma função diferente na partida contra o Newcastle - e foi bem

Celebrando seu 29º aniversário, De Bruyne jogou mais recuado na partida contra o Newcastle. Mas mais uma vez, o belga se mostrou uma figura dominante no jogo, coroando uma boa atuação individual com um gol de pênalti aos 37 minutos.

"Eu só faço o meu trabalho pelo time. A posição não importa muito. Na minha carreira, joguei em muitas posições", disse.

"O treinador me pediu para que eu fizesse uma coisa diferente. Nós também podemos jogar com cinco atrás."

"Nós temos bons jogadores o suficiente na frente para fazer a diferença."

"É meu trabalho ajudar o time e colocar eles em boas posições."

Foi a segunda conversão consecutiva de pênaltis de De Bruyne, após assumir definitivamente o papel de cobrador. O belga se disse mais que feliz por receber a incumbência.

"Tivemos uns problemas esse ano com pênaltis e o chefe pediu para que eu batesse contra o Real Madrid. Já marquei um par de gols até agora. Se eu for o cobrador, vou tentar."

"Vai ter um dia que vou perder. Você precisa chamar a responsabilidade, mas é bom".