Saints saem na frente, se defendem com maestria, mas Aguero e Walker viram o jogo no Etihad Stadium

O Southampton vinha de uma derrota histórica por 9-0 dentro de casa. Mas nem por isso a ida dos Saints ao Etihad Stadium seria um jogo fácil. E o sábado reservou grandes emoções para o torcedor do City, que saiu perdendo e demorou 70 minutos para gritar gol em um jogo de ataque contra defesa.

Aguero, sempre ele, empatou a partida. E Kyle Walker, o herói do jogo, virou para nos dar três pontos cruciais na briga pela Premier League.

O que aconteceu

Com os visitantes empilhando linhas de defesa - duas, com cinco jogadores em cada -, o City precisou conter os nervos e manter a paciência. Determinados a dar a volta por cima, o Southampton se organizava e neutralizava totalmente as chances de ataque dos donos da casa.


                        A marcação dura do Southampton impedia o City de jogar
A marcação dura do Southampton impedia o City de jogar

E o mérito defensivo dos Saints não demorou a ser recompensado. Stuart Armstrong chutou de longe, Ederson bateu roupa e Ward-Prowse desviou para as redes - um início inesperado, que ditaria o ritmo do jogo.

O gol acendeu os nervos do time de Pep Guardiola, que partiu para cima, na pressão que já é habitual. Mas as antecipações precisas das linhas defensivas do Southampton impediam que nossos jogadores acertassem o alvo.

Na volta do intervalo, Gabriel Jesus substituiu David Silva para fazer combate às milhares de pernas amarelas na área do Southampton. Mas o padrão continuou: o City atacava, o Southampton evitava a finalização.

Demorou 70 minutos para que um jogador do City acertasse o primeiro chute no alvo - e logo ele quem balançou as redes. Jogada pela direta e Walker, com um cruzamento rasteiro com ares de chute, achou o pé de Kun Aguero. O maior artilheiro da história do City sabe o que faz. Um a um - metade da montanha escalada.


                        Aguero, sempre ele, achou as redes para deixar tudo igual
Aguero, sempre ele, achou as redes para deixar tudo igual

E a noite era mesmo de Walker. Phil Foden achou Angeliño, que cruzou para a área e viu McCarthy espalmar mal a bola. A sobra ficou para o lateral-direito, que aproveitou a oportunidade e carimbou pra rede para confirmar a vitória de virada.

Homem do Jogo: Kyle Walker


                        Walker, o herói
Walker, o herói

Em um jogo de tentativa e erro, paciência e autocontrole. coube ao lateral-direito o papel de herói. Dos pés dele saiu a assistência para Aguero e o gol da vitória. Uma noite mágica para um jogador muito consistente, mas que dificilmente aparece entre os marcadores.

O que isso significa?

O City conquista três pontos importantes e segue vivo na perseguição ao Liverpool, que também saiu perdendo contra o Aston Villa e conseguiu uma virada nos minutos finais.

A diferença entre as duas equipes permanece de seis pontos.

O que vem a seguir?

Nossa campanha da Liga dos Campeões continua nesta quarta, quando vamos a Bergamo enfrentar a Atalanta podendo garantir a vaga no mata-mata.

A Premier League retorna no próximo domingo, em um jogo decisivo contra o Liverpool.