quote feed-section sponsor-promos cf show linkedin dugout

Crônica da partida | Season 2018/19

Vídeo Fotogaleria

Manchester City New Logo City 3
Watford Watford 1

STRIKE ONE: Raheem Sterling is all smiles after netting the Blues' first goal

STRIKE ONE: Raheem Sterling is all smiles after netting the Blues' first goal

Premier League Att: 10 de março de 2019 01:18:00

Manchester City

3
3 - 1

Watford

1
Matchday centre

Primeiro tempo amarrado. Segundo tempo avassalador. Com três gols de Raheem Sterling em 15 minutos, o City venceu o Watford por 3 a 1 no Etihad Stadium e abriu quatro pontos de vantagem na liderança da Premier League.

O resultado dá uma injeção extra de confiança ao City antes de mais uma semana decisiva, com Liga dos Campeões e Copa da Inglaterra.

O que aconteceu?

Pep Guardiola foi obrigado a fazer duas alterações na equipe titular do City em relação ao último jogo. John Stones e Kevin De Bruyne, lesionados, deram lugar a Vicent Kompany e Riyad Mahrez, enquanto Ilkay Gundogan foi mantido no lugar de Fernandinho, também lesionado.

Com a bola rolando, o City tomou a iniciativa da partida e logo criou algumas chances de gol, primeiro com Gundogan, de fora da área, e depois com Raheem Sterling, que chutou por cima uma bola cruzada.

Aos oito minutos, a primeira grande oportunidade para o time da casa. Mahrez, da direita, cruzou em direção a David Silva, que cabeceou com muito perigo na saída do goleiro Foster – a bola passou raspando a trave.

A tônica do jogo estava dada. City pressionando, recuperando a bola no campo de ataque e criando chances, enquanto o Watford só se defendia.

Bernardo Silva e Mahrez, pela direita, encontravam os melhores espaços na retranca adversária, que chegava a ter sete jogadores dentro da área.

Pouco antes dos 30, mais uma grande chance. Bernardo cruzou da direita e Sergio Aguero, livre de marcação, cabeceou uma bola rente à trave.

Sterling, logo depois, recebeu ótimo passe de Bernardo e ficou na cara do gol, mas foi travado pelo zagueiro justamente no momento do chute.

O primeiro gol parecia questão de tempo, mas a primeira etapa chegou ao fim com o placar inalterado, apesar de mais duas boas chances criadas antes do intervalo, primeiro com Aguero e depois com Mahrez.

Era mais um jogo de paciência para o City. Como nas duas partidas anteriores, a equipe dominou completamente os primeiros 45 minutos, sem que o adversário conseguisse chutar uma bola sequer ao gol.

A história seria diferente no segundo tempo. E sem muito sofrimento.

Na etapa final, o City precisou de apenas 15 minutos para mudar completamente a cara da partida e fazer 3 a 0, com três gols de Sterling.

No primeiro, Aguero recebeu na área e tocou para Sterling, que estava em posição de impedimento. Antes que o atacante inglês tivesse tocado na bola, porém, o zagueiro do Watford tentou afastar. A bola explodiu em Sterling e foi direto para o gol. O juiz anulou a jogada, mas voltou atrás após conversar com o assistente. Um lance, no mínimo, controverso.

Minutos depois, desta vez sem polêmica, David Silva tocou na direita para Mahrez, que cruzou para Sterling apenas empurrar a bola para o gol.

Era o começo perfeito de segundo tempo. E ficaria melhor.

Antes dos 15 minutos, Sterling recebeu na área e teve toda a calma do mundo para se livrar da marcação e tocar com categoria por cima do goleiro, fazendo 3 a 0 e chegando a 14 gols nesta Premier League.

Com a vantagem no placar, Guardiola  tirou o artilheiro da noite para colocar Leroy Sane em campo. O treinador do Watford, Javi Garcia, também aproveitou para mexer na equipe – e teve resposta imediata.

Deeney e Deulofeu, que haviam acabado de entrar, combinaram para descontar o marcador. Após chutão do goleiro, o primeiro desviou de cabeça e o segundo tocou por baixo do goleiro Ederson: 3 a 1.

O gol soou como um aviso de que nada estava decidido, então o City manteve o ímpeto ofensivo em busca do quarto gol, criando algumas boas oportunidades com Aguero e Sane, mas sem balançar as redes.

Na reta final do jogo, Gabriel Jesus entrou no lugar de Aguero. O brasileiro teve uma boa chance de marcar o quarto, mas foi bloqueado pelo zagueiro depois de se livrar do goleiro Foster dentro da área.

Ainda deu tempo de Phil Foden entrar no lugar de Mahrez.

Sem sustos, o jogo se encaminhou para o final.

Mais uma vitória essencial do City!

Estrela do jogo: Raheem Sterling

Não há o que discutir. Sterling colocou o jogo no bolso depois de um primeiro tempo complicado. “Sterling is top of the League!”.

Vale ressaltar também a atuação de David Silva. O espanhol mostrou mais uma vez que é fundamental para o estilo de jogo da equipe.

O que isso significa...

Com a vitória, o City chega a 74 pontos, abrindo quatro de vantagem para o segundo colocado Liverpool, que joga no domingo contra o Burnley. 

O que vem a seguir?

O City volta a campo na terça-feira, quando recebe o Schalke na partida de volta das oitavas-de-final da Liga dos Campeões, e em seguida viaja para enfrentar o Swansea City pela Copa da Inglaterra, dia 16 março.

A equipe só volta a jogar pela Premier League no dia 30 de março, contra o Fulham, após a parada internacional para amistosos entre seleções.

Notícias da equipe principal

City v Watford: Atualização do plantel!

Notícias da equipe principal

Como assistir ao jogo Man City v Watford

Crônica da partida

City vence com gol de Mahrez e dorme na liderança!