quote feed-section sponsor-promos cf show linkedin dugout

Crônica da partida | Season 2018/19

Vídeo Fotogaleria

Fulham Fulham 0
Manchester City New Logo City 2

LIFT-OFF: Sergio Aguero places the ball over Rico to double City's lead

LIFT-OFF: Sergio Aguero places the ball over Rico to double City's lead

Premier League Craven Cottage Att:25001 30 de março de 2019 12:30:00

Fulham

0
0 - 2

Manchester City

2

Veiga de Carvalho e Silva 5'

Agüero 27'

Árbitro
Kevin Friend
Matchday centre

Fulham:

  • Rico
  • Christie
  • Le Marchand
  • Fosu-Mensah
  • Bryan
  • Chambers
  • Ayité Kebano 64’
  • Sessegnon
  • Zambo Anguissa
  • Cairney Schürrle 70’
  • Babel McDonald 88’
Suplentes não utilizados
Vietto, Agosto Ramírez, Odoi, Sessegnon

Manchester City:

  • Santana de Moraes
  • Laporte
  • Otamendi
  • Walker
  • Zinchenko
  • De Bruyne Luiz Rosa 75’
  • Silva
  • Gündogan
  • Veiga de Carvalho e Silva
  • Agüero de Jesus 57’
  • Sterling Mahrez 88’
Suplentes não utilizados
Muric, Sané, da Silva, Stones

Era jogo para vencer e o City não decepcionou. Missão dada é missão cumprida: vitória por 2 a 0 contra o Fulham, em Londres, e retomada da liderança da Premier League.

Foi uma atuação segura do City, com amplo domínio desde o primeiro minuto. Futebol total, alguns podem dizer. Mas a verdade é que os comandados de Pep Guardiola não sabem jogar de outra forma!

Bernardo Silva e Sergio Aguero marcaram os gols da vitória.

O que aconteceu?

O City entrou em campo com seu tradicional 4-3-3: Ederson; Walker, Laporte, Otamendi e Zinchenko; Gundogan, De Bruyne e David Silva; Bernardo, Sterling e Aguero. Jesus, Danilo e Fernandinho no banco.

Com a bola rolando, os Blues começaram como manda o manual: pressão alta, velocidade na troca de passes, intensidade desde o primeiro minuto.

E o placar não demorou a ser inaugurado. Na marca dos 5, Bernardo Silva recebeu na entrada da área, ajeitou para o pé esquerdo e colocou com precisão no canto direito do goleiro do Fulham: 1 a 0 para o City!

A equipe de Guardiola manteve a mesma toada nos minutos seguintes, sufocando o adversário, que quase não passava do meio de campo.

Quando o Fulham começou a trocar mais passes e oferecer algum perigo em bolas cruzadas na área, o City ampliou. Bernardo acionou Aguero e o argentino não perdoou, acertando belo chute no ângulo: 2 a 0!

O primeiro tempo terminou sem sustos e o City voltou do intervalo com a mesma formação, disposto a controlar e ampliar a vantagem no placar.

O Fulham tentou pressionar a saída de bola do City nos primeiros minutos da segunda etapa, mas os Blues mantiveram a postura e não correram riscos, embora também não criassem grandes chances no ataque.

Pouco antes da marca de 15 minutos, Jesus entrou no lugar de Aguero.

A intensidade do City não era das maiores, mas Sterling quase fez o terceiro em chute de fora da área, partindo da esquerda para o centro. O goleiro Rico espalmou e Bernardo Silva por pouco não fez no rebote.

Apesar do domínio, o City esbarrava na linha defensiva do Fulham, errando o último passe antes da finalização. Para os 20 minutos finais, Fernandinho, voltando de lesão, entrou no lugar de De Bruyne.

Na marca dos 35 minutos, o City criou uma boa chance em contra-ataque que terminou com passe de Sterling para Walker carimbar a trave.

Pouco depois, Gundogan passou perto em chute de fora da área.

Antes do apito final, Ederson fez boa defesa, no reflexo, após cruzamento de bola parada na área. E Mahrez entrou no lugar de Sterling.

O placar de 2 a 0 não traduz o domínio do City na partida, apesar do segundo tempo abaixo do esperado, mas ficou de bom tamanho.

 

Estrela do jogo: Bernardo Silva

 

 

Um gol e uma assistência. O português Bernardo Silva faz definitivamente uma grande temporada, sendo peça fundamental na equipe do City.

Sergio Aguero também merece ser mencionado. O argentino deixou o dele e chegou a 19 gols neste campeonato inglês – isolado na artilharia.

 

O que isso significa...

Com a vitória, o City retoma a liderança da Premier League com 77 pontos conquistados em 31 jogos. O Liverpool, segundo colocado com 76 pontos, recebe o Tottenham no domingo (31/3), quando ficará com um jogo a mais do que o City. Ou seja, os Blues podem até terminar o fim de semana na vice-liderança, mas terá um jogo a menos do que os Reds.

 

O que vem a seguir?

O City volta a campo na quarta-feira 3 de abril, às 19h45 (16h45 BRT), quando recebe o Cardiff City no Etihad Stadium pela Premier League.

Em seguida duas partidas em Londres, primeiro contra o Brighton, em Wembley, em jogo válido pelas semifinais da FA Cup, sábado dia 6 de abril, e depois contra o Tottenham, no novo estádio dos Spurs, no jogo de ida das quartas-de-finais da Liga dos Campeões, terça-feira dia 9 de abril.

Notícias da equipe principal

Mendy, De Bruyne, Kompany e Stones retornam

Notícias da equipe principal

Fulham x City - Onde assistir?

Notícias da equipe principal

FA Cup - City enfrenta o Brighton nas semifinais