Não foi um jogo iluminado, mas o City conseguiu a vitória que precisava. O time de Pep Guardiola bateu o Huddersfield por 3 a 0 e segue vivo na briga pelo bicampeonato da Premier League.

Com os três gols marcados, o City chegou a 102 tentos anotados nesta temporada em todas as competições, sendo o primeiro time a ultrapassar a marca de 100 gols em 2018/2019 nas cinco principais ligas europeias. 

O que aconteceu?

O City começou a partida dominando o adversário, mas em ritmo lento, como quem poupa os motores sabendo da dura sequência de jogos.


                        City vence o Huddersfield e segue na luta!

Fernandinho, soberano no meio de campo, tentava os passes mais verticais. Aos oito minutos, o brasileiro achou Gundogan dentro da área, mas o alemão tocou a bola de cabeça nas mãos do goleiro Lossl.

Aos 12, Kevin De Bruyne fez ótimo lançamento para Sterling, que foi derrubado na área na hora do chute. Pareceu pênalti, mas o juiz não deu.

Aos 18, o City abriu o placar. Danilo recebeu na entrada da área e chutou forte. A bola desviou no zagueiro adversário e morreu dentro do gol – foi o primeiro gol do brasileiro nesta Premier League, e nada mais nada menos que o gol de número 100 do City nesta temporada 2018/2019.


                        City vence o Huddersfield e segue na luta!

Com a vantagem no placar, o City deu uma relaxada e passou a oferecer mais espaços, mas o Huddersfield não levava perigo ao gol de Ederson.

O jogo seguiu em ritmo lento e o City conseguiu criar só mais uma boa chance de gol antes do intervalo. Fernandinho, mais uma vez, deu ótimo lançamento na área para Gundogan, que dominou e girou batendo para o gol. A bola desviou na zaga do Huddersfield e saiu pela linha de fundo.

Na segunda etapa, a postura mudou. Logo nos primeiros minutos, o City deu mostras de que queria matar o jogo – e foi o que aconteceu.


                        City vence o Huddersfield e segue na luta!

Antes dos dez minutos, após boa troca de passes, Kevin De Bruyne tocou para Sané na esquerda. O alemão cruzou na medida na cabeça de Sterling, que não desperdiçou, marcando seu décimo gol no campeonato.

Três minutos mais tarde, Aguero recebeu na entrada da área e só ajeitou de cabeça para Sane, que dominou e tocou na saída do goleiro: 3 a 0.

Dali em diante, o City só precisou administrar o resultado. Bernardo Silva teve uma grande chance para fazer o quarto, mas o goleiro Lossl salvou, enquanto Ederson só precisou fazer uma ou duas defesas difíceis. 

Estrela do jogo: Leroy Sané

Um gol e uma assistência na partida contra o Huddersfield. O atacante alemão segue vital para a equipe! Até aqui nesta temporada, Sane acumula 11 gols e 13 assistências em todas as competições.


                        City vence o Huddersfield e segue na luta!

O que isso significa...

A vitória de hoje mantém o City na segunda colocação da Premier League com 56 pontos, quatro a menos que líder Liverpool, que venceu o Crystal Palace por 4 a 3 fora de casa nesta rodada e soma 60 pontos. Faltam 15 jogos para o fim do campeonato, ou seja, há 45 pontos em disputa. 

O que vem a seguir?

O City agora se prepara para dois jogos em duas competições diferentes. Primeiro enfrenta o Burton Albion, fora de casa, no jogo de volta das semifinais da Carabao Cup, às 19h45 (17h45 BRT) de quarta-feira dia 23 de janeiro – na partida de ida, o City goleou por monumentais 9 a 0.

Em seguida, às 15h (13h BRT) de sábado dia 26 de janeiro, o City recebe o Burnley no Etihad Stadium em jogo válido pela quarta fase da FA Cup.

O próximo compromisso do City pela Premier League será contra o Newcastle, fora de casa, às 20h (18h BRT) de terça-feira 29 de janeiro.