Sterling e Aguero marcaram os dois gols validados do City, que deixou o Etihad com a sensação de injustiça

Os Blues dominaram a maior parte do jogo e estiveram na frente duas vezes, com gols de Sterling e Sergio Aguero. Mas nada disso tirou o amargor de ter o gol da vitória negado no último minuto, após uma análise do VAR.

Lallana e Lucas Moura fizeram os gols do Tottenham, que arrancou um empate em 2 a 2 em pleno Etihad Stadium.

O que aconteceu

 


                        Sterling abriu o placar
Sterling abriu o placar

 

Com um Etihad Stadium banhado pelo sol do fim da tarde, os campeões da Premier League disputavam seu primeiro jogo em casa contra o finalista da última Liga dos Campeões.

O City começou a partida com a energia de sempre, confinando os Spurs a seu campo de defesa com uma linha de pressão sufocante.Com 20 minutos de jogo, o esforço foi recompensado quando De Bruyne achou a cabeça de Sterling, que finalizou para as redes e abriu o placar.

Mas não durou muito: três minutos depois, Lamella finalizou de longe e acertou o canto de Ederson, que, com a visão encoberta, não alcançou.

O City continuou com a mesma pegada, sem deixar o adversário respirar. Aos 34 minutos, De Bruyne mostrou novamente sua magia e achou Aguero - era tudo o que o City precisava para voltar à liderança de novo. Finalização do argentino, 2x1 City.

E mesmo sem conseguir passar do meio-campo com frequência, o Tottenham achou o empate com direito a gol brasileiro. Lucas Moura, que tinha acabado de entrar, desviou um cruzamento de cabeça e deixou tudo igual.

A partir daí, o jogo ia se encaminhando para um empate. Até que entrou em cena a estrela - ou quase isso - de Gabriel Jesus. Nos minutos finais, o brasileiro, que havia substituído Aguero, recebeu a bola após um escanteio, passou pelo marcador e fuzilou para a rede. Explosão completa no Etihad Stadium - até o VAR entrar em ação.

 


                        Gabriel Jesus explodiu o Etihad - até o VAR entrar em ação
Gabriel Jesus explodiu o Etihad - até o VAR entrar em ação

 

Os árbitros de vídeo apontaram um toque no braço de Laporte. Gol invalidado. Apito final. Dois a dois e sensação de injustiça.

Homem do Jogo: Kevin De Bruyne

 


                        Mais uma partida brilhante de KDB
Mais uma partida brilhante de KDB

 

Jogo após jogo, as exibições do belga vão nos mostrando o que perdemos grande parte da temporada passada. Mais um jogo com passes decisivos e assistências. 

Mais uma partida incrível de KDB.

O que isso significa

O City somou 4 pontos nos seus dois primeiros jogos - mas a sequência de 15 vitórias terminou de modo dramático.

A seguir

O City volta a campo no próximo domingo, com uma viagem à costa sul da Inglaterra para enfrentar o Bornemouth no Vitality Stadium.