quote feed-section sponsor-promos cf show linkedin dugout

Crônica da partida | Season 2017/18

Vídeo Fotogaleria

Manchester City New Logo City 3
Watford Watford 1

Man City x Watford Sterling

Man City x Watford Sterling

Premier League Etihad Stadium Att:53556 2 de janeiro de 2018 20:00:00

Manchester City

3

Sterling 1'

Kabasele 13'

Agüero 63'

3 - 1

Watford

1

Gray 82'

Árbitro
Lee Mason
Matchday centre

Manchester City:

  • Ederson Moraes
  • Delph
  • Otamendi
  • Walker
  • Stones Danilo 67’
  • Silva
  • Fernandinho Touré 71’
  • De Bruyne Bernardo Silva 79’
  • Agüero
  • Sterling
  • Sané
Suplentes não utilizados
Zinchenko, Bravo, Mangala, Gündogan

Watford:

  • Gomes
  • Zeegelaar
  • Wagué
  • Janmaat
  • Kabasele
  • Watson Pereyra 61’
  • Capoue Cleverley 61’
  • de Andrade Sinclair 82’
  • Doucouré
  • Carrillo
  • Gray
Suplentes não utilizados
Prödl, Karnezis, Mariappa, Holebas

A equipe de Guardiola sobe 15 pontos na frente do segundo classificado da Premier League depois da vitória por 3-1 frente ao Watford

Pos Equipe PJ DG Pts
1 Manchester City 22 +51 62
2 Manchester United 22 +29 47
3 Chelsea 22 +25 46
4 Liverpool 22 +25 44

O Manchester City chegou na frente do resultado com apenas 39 segundos no relógio de jogo, acabando por vencer por 3-1 com gols de Sterling, Aguero e auto-gol de Kabasele na sequência de um cruzamento de De Bruyne.

O que aconteceu

David Silva e Jonh Stones regressaram à equipe principal depois de estarem afastados por lesão. Delph também regressou como primeira opção para Guardiola e, para surpresa de muitos De Bruyne também começou de início. Aguero e Sterling também voltaram a ser a primeira opção para o treinador catalão.

Depois de acabar o ano com um empate, a equipe do City começou 2018 da melhor maneira. O primeiro gol surgiu na primeira jogada de jogo e, com apenas 39 segundos no relógio de jogo, Sané descobriu Sterling na área e o ala inglês só teve de encostar. Foi o gol mais rápido que o City já fez e o 18º para a conta pessoal de Sterling.

A equipe de Guardiola podia ter chegado ao segundo logo ao quarto minuto de jogo depois de Sané fazer tremer a defesa do Watford e meter na cabeça de Stones, mas o zagueiro não conseguiu finalizar. O segundo gol estava perto e, quando David Silva lança De Bruyne e o belga cruza para área, Kabasele foi infeliz no corte e fez auto-gol ao minuto 13'.

Ederson foi chamado à atenção por Gray, por duas vezes que Andre Grey chamou o goleiro brasileiro à sua função. Ainda antes do intervalo, De Bruyne fazia tremer o estádio na cobrança de uma falta em que Gomes e o travessão negaram o golo ao belga.

O Watford voltou no intervalo a perder por 2-0 e com  recente memória dos 6 gols sofridos frente ao City no início da temporada. Entrou com um pouco mais de força no segundo tempo mas sem força suficiente para derrubar a equipe apenas perdeu uma partida esta temporada.

Aos 63 minutos, Aguero chegou ao gol depois de Gomes ter soltado o cruzamento de De Bruyne. Já não havi muito a fazer e o Watford perdi  pouca motral que trazia do intervalo. De Bruyne conseguiu estar envolvido diretamente nos três gols do City.

Andre Gray conseguiu fazer o gol de consolação ao minuto 82' e dar alguma alegria aos torcedores que viajaram até ao norte para apoiar o seu time. Marco Silva pouco poderia fazer frente a esta equipe de Guardiola.

Os últimos 10 minutos foram apertados para o City, com o Watford a dar tudo o que tinha mas sem conseguir fazer a bola passar por Ederson. Apito final e o City garante a primeira vitória de 2018.

Momento do jogo

O gol aos 38 segundo de jogo foi o grande momento da partida e que apanhou todo o mundo de surpresa.

Homem do jogo

Sané foi o melhor em campo, apesar de segurar muito a bola esteve envolvido nos gols.

O que significa

O City avança 15 pontos à frente do segundo classificado, Manchester United.

O que se segue

A Premier League faz pausa neste final de semana mas a equipe de Guardiola não pára e vai disputar o acesso à FA Cup frente ao Burnley já este sábado.

Notícias da equipe principal

Pep: "Os árbitros têm de proteger os jogadores"

Fotogaleria

Tudo o que é bom tem um fim

Crônica da partida

Ederson defende pênalti e City segue invencível