quote feed-section sponsor-promos cf show linkedin dugout

Crônica da partida | Season 2018/19

Vídeo Fotogaleria

Watford Watford 1
Manchester City New Logo City 2

LIGHTING UP TIME: Riyad celebrates his goal in front of the travelling City fans

LIGHTING UP TIME: Riyad celebrates his goal in front of the travelling City fans

Premier League Att:20389 4 de dezembro de 2018 05:27:00

Watford

1

Doucouré 85'

1 - 2

Manchester City

2

Sané 40'

Mahrez 51'

Árbitro
Paul Tierney
Matchday centre

Watford:

  • Foster
  • Cathcart
  • Kabasele
  • Holebas
  • Femenía Far
  • Success Ajayi Gray 75’
  • Pereyra
  • Hughes Quina 52’
  • Doucouré
  • Chalobah Deulofeu 63’
  • Deeney
Suplentes não utilizados
Masina, Mariappa, Wilmot, da Silva Gomes

Manchester City:

  • Santana de Moraes
  • Kompany Otamendi 83’
  • Stones
  • Delph
  • Walker
  • Veiga de Carvalho e Silva
  • Silva Gündogan 73’
  • Luiz Rosa
  • Mahrez
  • de Jesus Laporte 89’
  • Sané
Suplentes não utilizados
Foden, Sterling, da Silva, Muric

Parecia que uma vitória tranquila estava a caminho, mas gol do Watford no final do jogo obrigou o City a se defender de forte pressão nos minutos finais. No apito do árbitro, vitória por 2 a 1 e cinco pontos de vantagem na liderança do Campeonato Inglês.

Pos Equipe PJ DG Pts
1 Manchester City 15 +38 41
2 Liverpool 15 +24 39
3 Tottenham Hotspur 15 +12 33
4 Chelsea 15 +18 31

Apesar do sufoco na parte final, os Blues dominaram grande parte do jogo e podiam ter feito mais gols, não fosse a grande atuação do goleiro Foster.

Em 15 jogos, o City acumula 13 vitórias e dois empates, 45 gols marcados e apenas sete sofridos. E já são sete vitórias consecutivas.

O que aconteceu?

Mesmo com as mudanças na equipe titular, o City manteve o padrão de jogo: posse de bola e paciência para furar a defesa adversária.

Logo no primeiro minuto de partida, Gabriel Jesus teve uma chance de finalização dentro da área do Watford, mas a bola explodiu na zaga. Na sobra, David Silva chutou forte, mas a bola subiu demais e passou longe.

Bem postado na defesa, o Watford esperava para contra-atacar.

Aos oito, Roberto Pereyra invadiu a área, driblou Fernandinho e tentou chutar colocado no canto esquerdo de Ederson, mas a bola foi pra fora.

Aos 10 minutos, a primeira grande chance do City. Leroy Sané foi mais esperto para roubar a bola no meio de campo, sair em velocidade e ficar de frente com o goleiro Foster, que conseguiu desviar para escanteio.

O City pressionava e ganhava um escanteio atrás do outro. Bernardo Silva e Mahrez faziam o que queriam pelo lado direito, mas o Watford rebatia todas dentro da área. O goleiro Foster fazia de tudo e mais um pouco – salvou pelo menos duas vezes, em chutes de Mahrez e Gabriel Jesus.

Aos 30, porém, foi Ederson que fez grande defesa em chute de Deeney.

Pouco depois, a bola finalmente entrou. Mahrez fez jogada pela direita e cruzou com veneno para Sané, de peito, abrir o placar para o City.

O resultado era justo – e logo ficaria ainda melhor.

Depois do intervalo, aos cinco minutos, em bela jogada dos Blues, David Silva abriu na esquerda para Gabriel Jesus, que cruzou rasteiro para Mahrez finalizar de canhota, de primeira, para o fundo do gol.

A vitória parecia bem encaminhada, mas o City queria mais.

Aos 15, Mahrez quase marcou após chute da entrada da área desviar no zagueiro e encobrir o goleiro Foster. Pouco depois, Gabriel Jesus teve ótima chance de frente para o gol, mas chutou para fora.

O Watford criava pouco, mas também teve boa chance com Doucouré, que tentou chutar colocado de fora da área – Ederson fez defesa segura.

Aos 36, Mahrez quase matou o jogo. O atacante recebeu na direita, puxou pra canhota e chutou forte para mais uma grande defesa de Foster.

Quem não faz, toma. Logo depois, após cruzamento de Deulofeu pela direita, Deeney dividiu com Ederson, Doucouré ficou com a sobra e, na segunda tentativa, diminuiu o placar para o time da casa.

O jogo pegou fogo, com o Watford indo para cima e o City se defendendo como podia, afastando uma bola atrás da outra de sua área.

Foi uma prova de muita concentração da equipe, que soube segurar bem o placar e garantir uma importante vitória fora de casa.

O que isso significa...

O City chega aos 41 pontos e lidera a Premier League com cinco de vantagem para o Liverpool, segundo colocado, que ainda tem um jogo para fazer, na quarta-feira (5/12), contra o Burnley, fora de casa.

Chelsea, em terceiro, tem 31 pontos, enquanto o Arsenal, em quarto, soma 30 pontos. Ambos também ainda têm jogo da rodada a fazer.

Estrela do jogo: Mahrez

Com uma assistência e um gol, Mahrez esteve incansável durante os 90 minutos, criando muito volume de jogo com Bernardo Silva pela direita.

Reação de Pep

A seguir...

O que vem a seguir?

A maratona de jogos de fim de ano continua, com partidas válidas pela Premier League, pela Liga dos Campeões e pela Carabao Cup.

No sábado dia 8 de dezembro, às 17h30 (15h30 BRT), o City visita o Chelsea, em Stamford Bridge, pelo Campeonato Inglês. Na quarta-feira dia 12 de dezembro, às 20h (18h BRT), os Blues recebem o Hoffenheim pela última rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões, no Etihad.

Em seguia o City recebe o Everton, às 12h30 (10h30 BRT) do sábado dia 15 de dezembro, no Etihad Stadium, pela Premier League, e depois visita o Leicester, na quarta-feira dia 18 de dezembro, às 19h45 (17h45 BRT), em jogo eliminatório válido pelas quartas-de-final da Carabao Cup. 

   

Notícias da equipe principal

Watford v City: Pep atualiza a situação do plantel

Notícias da equipe principal

Sorteio da FA Cup!

Notícias da equipe principal

Guardiola explica ausência de Aguero