O Manchester City recupera a confiança depois de bater o Tottenham por 3x1

O Manchester City viajou até Londres para enfrentar o Tottenham no mítico Estádio do Wembley. Depois da confirmação do título ter escapado frente ao United, se esperava que Guardiola reunisse uma equipe capaz de superar os Spurs. Foi isso que fez, numa partida em que o City dominou e controlou, com eficácia.

Agora resta esperar pelo jogo de amanhã entre o United e o West Brom, em que se o United ganhar, a equipe de Guardiola fica a um ponto de ser campeã, se o Manchester United perder, o City garante o título pela Premier League.

O que aconteceu

A um passo do título, Guardiola levou para campo a melhor equipe que tinha à sua disposição. Na coletiva de sexta-feira, o técnico catalão revelou a ausência de Aguero devido a uma lesão.

Leroy Sané não escondia a vontade de fazer gol e, com apenas três minutos de jogo, o ala fez tremer toda a defesa do Tottenham, com um grande remate na trave.


                        A um passo do título

O City segurava a partida em Wembley frente a um Tottenham que conseguia fazer pouco mais que defender. Até que Gabriel Jesus abriu o placar aos 20 minutos, com um passe em desmarcação de Kompany, que lhe valeu a assistência, o brasileiro chutou forte e colocou o City na frente.

Logo de seguida, Sterling foi derrubado na área e o árbitro Jonathan Moss assinalou pênalti. Ilkay Gundogan foi chamado a converter e não desiludiu. Aos 24 minutos, o City liderava o placar em Wembley.

O Tottenham reagiu e conseguiu reduziu a vantagem para 2x1 ao minuto 43, por Eriksen. O meia dos Spurs já tinha feito gol na primeira rodada do campeonato e, voltou a fazê-lo contra o City, desta vez em Wembley.

A partida foi para intervalo, depois de um primeiro tempo dominado pelos homens de Guardiola. O segundo tempo começou com um Tottenham mais atrevido, rápido e pressionante, segurando os primeiros 15 minutos.


                        A um passo do título

O City respondeu por Gabriel Jesus, que recebeu de Gundogan mas não conseguiu converter. Logo depois, Guardiola reforçou a defesa, tirando Sané e colocando Otamendi.

Aos 70 minutos, foi a vez de Sterling ver o gol passar à sua frente. Dois minutos depois, Gabriel Jesus chutou forte e Lloris empurrou para Sterling, que não falhou na boca do gol.

Depois do gol, o português Bernardo Silva entrou por Gabriel Jesus, Sterling assumiu a posição de centro-avante e Bernardo segurou a ala direita.


                        A um passo do título

Eriksen ainda voltou a exigir uma grande defesa de Ederson, que negou o segundo gol do Tottenham. Lucas também exigiu uma grande defesa do nosso guardião mas a partida já estava decidida.

Final do jogo em Wembley, com um City muito superior ao Tottenham. A equipe Londrina conseguiu respirar nos primeiros 15 minutos do segundo tempo, mas passou toda a partida a tentar eliminar as investidas dos jogadores do City.

Momento do jogo

O gol de Gabriel Jesus, foi o melhor momento do jogo. Depois dos últimos resultados, deu muita confiança à equipe e aos torcedores para acreditarem na vitória.

 


                        A um passo do título

Homem do jogo

O nosso capitão, Vicent Kompany, teve muito bem. Apesar dos poucos erros que cometeu, estava logo pronto para recuperar a posse de bola.

O que significa

O Manchester City segue na primeira posição e com uma mão no troféu, ficando apenas a um ponto do título (se o United vencer este domingo).

O que se segue

No próximo domingo, o City regressa a Londres, para jogar no London Stadium frente ao West Ham. E se vencer, garante a conquista da Premier League (se o United vencer este domingo).