15 pontos de avanço na tabela da Premier League depois da fantástica exibição que deu a 18ª vitória consecutiva à equipe de Guardiola

Na jornada natalícia da Premier League o Manchester City foi ao norte de Inglaterra jogar na casa do Newcastle. A equipe de Guardiola ocupava a primeira posição com uma vantagem de 13 pontos sobre o segundo classificado, o Manchester United, e foi a Newcastle procurar a 18ª vitória consecutiva pela Premier League.

O que aconteceu

A equipe do City entrou a dominar no St. James Park. O internacional português Bernardo Silva abriu a partida com um grande remate mas o goleiro do Newcastle segurou. Gabriel Jesus não foi titular, mas aos dez minutos da partida, o capitão Kompany saiu ao que parece com problemas físicos. Dois minutos depois, o ponta brasileiro já criava perigo do Newcastle.


                        City imparável

Aos 15 minutos de jogo, o Manchester City já contava com 89% de posse de bola. O Newcastle limitava-se à sua área e a esta altura do jogo, apenas contava um contra-ataque sem sucesso. E com dois pontas na frente, o ataque do City não dava descanso à equipe do Newcastle. Os homens de Rafael Benítez, esforçavam-se no ataque, mas era o City quem dominava a partida e pressionava na grande área.

Kevin De Bruyne parou o estádio com o passe fantástico para Sterling que abriu o marcador. O internacional belga viu a desmarcação de Sterling e fez um passe telecomandado para o ala que só teve de encostar no fundo da baliza de Elliot. Em resposta o ataque do Newcastle quase chegou ao gol, valeu toda a experiência de Otamendi no corte já com a bola a cruzar a linha de gol.


                        City imparável

A cinco minutos do apito para o fim do primeiro tempo, De Bruyne fez outro passe de parar a respiração ao lançar Gabriel Jesus na área do Newcastle, o brasileiro parou de peito, dominou, e entregou para Sterling mas o goleiro negou o gol e na recarga Aguero na chegou a tempo. Apito para intervalo e o City chegou ao segundo, a vencer a partida por 1 a 0.
 
Arranque do segundo tempo na casa do Newcastle com o City no comando da partida. Tudo como no primeiro tempo, o City na frente e o Newcastle a jogar com 10 homens na defesa. O ataque de Guardiola procurava todas as chances para furar a defesa do Newcastle mas a equipe da casa não vacilava. De Bruyne estava em chamas e, no minuto 66' lançou uma bomba de fora da área que fez tremer a trave do goleiro do Newcastle. O meia do City comandava a exibição fantástica da equipe de Manchest


                        City imparável

A equipe de Guardiola continuava na ofensiva com uma média de 80 por cento de posse de bola, o Newcastle quase não tinha tempo para respirar. Tanto no ataque como na defesa o City estava implacável. Guardiola reforçou a defesa ao tirar Aguero de campo e colocar Mangala. Pouco depois Bernardo Silva deu o lugar a Sané. Os "citizens" seguravam o resultado a caminho da 18a vitória consecutiva pela Premier League.
 
Ainda houve tempo para o Newcastle criar perigo na área do City, mas Ederson estava atento. A dez minutos do fim, os Magpies finalmente decidiram lutar pelo empate e Gayle de cabeça esteve perto do empate.
 
Mas o City manteve a invencibilidade. Apito final em Newcastle e os homens de Guardiola, garantiram a sua 18ª vitória consecutiva pela Premier Legue na melhor temporada de sempre, até agora, da equipe inglesa e de toda a história da Liga Inglesa.

Momento do Jogo


                        City imparável

A bola de De Bruyne na trave da baliza de Elliot fez tremer todo o estádio.

Homem do jogo

Sem surpresas, De Bruyne foi mais uma vez o homem do jogo.

O que significa

O Manchester City coloca-se 15 pontos à frente do segundo classificado da tabela depois do empate do United. Depois de 20 jornadas, o City já conta 58 pontos (19 vitórias e um empate).

O que se segue

O próximo desafio é no último dia do ano frente ao Crystal Palace, o Manchester City desloca-se ao sul de Inglaterra para a 21ª primeira rodada da Premier League.