quote linkedin dugout

Crônica da partida | Season 2016/17

Vídeo Fotogaleria

Arsenal Arsenal 2
Manchester City New Logo City 1

Aguero FA CUp 2016/17

Aguero FA CUp 2016/17

Emirates FA Cup Wembley Stadium Att:85725 23 de abril de 2017 14:00:00

Arsenal

2

Monreal 71'

Sánchez 101'

2 - 1

Manchester City

1

Agüero 62'

Árbitro
Craig Pawson
Matchday centre

Arsenal:

  • Cech
  • Holding
  • de Abreu
  • Koscielny
  • Monreal
  • Ramsey
  • Oxlade-Chamberlain Bellerín 106’
  • Xhaka
  • Sánchez
  • Özil Coquelin 119’
  • Giroud Welbeck 83’
Suplentes não utilizados
Iwobi, Walcott, Gibbs, Martinez

Manchester City:

  • Bravo
  • Clichy
  • Kompany
  • Navas
  • Otamendi
  • Touré
  • Sané
  • Silva Iheanacho 105’
  • Luiz Rosa Reges 99’
  • De Bruyne
  • Agüero Delph 99’
Suplentes não utilizados
Caballero, Zabaleta, Kolarov

Chegou ao fim o sonho do City pela Copa da Inglaterra!

O Manchester City chegou ao Wembley para enfrentar o Arsenal, na semifinal da Copa da Inglaterra e foi o primeiro a marcar, no entanto os Gunners converteram o resultado e seguem para a final da Copa da Inglaterra.

O Chelsea garantiu ontem o seu bilhete de passagem à final, depois de vencer o Tottenham por 4 a 2, no estádio nacional. 

LEADER: Kompany leads the team out for the warm-up at Wembley.

No seu jogo número 50 ao serviço do Manchester City, Pep Guardiola, optou por dar a titularidade a Bravo, Navas, Kompany, Otamendi, Clichy, Fernandinho, Touré, De Bruyne, Silva, Sané e Aguero.

Um grande duelo que só ficou decidido ao final de 120 minutos, de um frenético jogo.

Foi o City quem assumiu o controle da partida e dominou a posse da bola e foram enumeras as oportunidades durante o primeiro tempo. Aos quinze minutos, David Silva obrigou Cech a uma grande defesa. No entanto o espanhol acabaria por ser substituído, aos 23 minutos por Raheem Sterling, após sentir uma dor muscular.  

Os homens de Guardiola pressionavam no ataque e aos 30 minutos, contabilizavam 70% da posse de bola. Aos 39 minutos, Sergio Aguero tentou o gol, mas foi Raheem Sterling quem aproveitou a recarga para empurrar a bola para funda da baliza. No entanto o fiscal de linha/bandeirinha anulou o gol, ao considerar que a bola ao ser cruzada por Sané, saiu fora do perímetro de jogo.

A partida chegava ao intervalo sem gols.

CELEBRATIONS: City supporters celebrate with Aguero after the Argentine opened the scoring at Wembley.

Até que aos 62 minutos, Sergio Aguero recebe um excelente passe de Yaya Touré e inicia um fabuloso contra-ataque, que termina com um fantástico gol. O argentino percorrer até à área do Arsenal fazendo um chapéu a Cech na baliza. Começavam os festejos no Wembley, mas não por muito tempo. 

Aos 71 minutos, Monreal converteu e fez o gol do empate, obrigando o City a reorganizar-se. A determinação fazia mover a equipe. Yaya Touré esteve perto de fazer o segundo, quando aos 79 minutos rematou ao poste da baliza. Três minutos depois foi a vez de Fernandinho, cabecear ao travessão e após 90 minutos, era chegada altura de seguir para o prolongamento/prorrogação.

BOOKED: Sanchez is shown a yellow for a foul on Fernandinho

Sergio Aguero teve de ser substituído, tal como Fernandinho. Delph e Fernando entraram em campo. Mas ao minuto 100, Alexis Sánchez, surpreendeu a zaga/defesa do City e o goleiro/guarda-redes Claudio Bravo, disparando um remate frutívoro para dentro das redes,  dando o gol da vantagem e da vitória, ao Arsenal.

O Manchester City não desistiu e continuou na luta, insistindo no ataque e determinado a encontrar o gol do empate, mas os Gunners souberam segurar o resultado e seguem para a grande final da Copa da Inglaterra. 

Homem do Jogo 

Sergio Aguero foi eleito pelos fãs, através da aplicação do Manchester City. 

COLLIDE: Aguero goes to ground after a heavy challenge from Laurent Koscielny

O que se segue?

O Manchester City irá agora preparar o grande derby de quinta-feira. Pep Guardiola e José Mourinho, voltam a estar frente a frente, para um grande jogo da Premier League. 

Crônica da partida

Southampton 0-3 Man City

Vincent e Silva celebram o gol do capitão

O que aconteceu? Com Vincent Kompnay de regresso à titularidade, o City entrou no jogo com o objetivo de regressar a Manchester com os três pontos. Sergio Aguero foi o primeiro a ameaçar a baliza da equipe da casa. Logo aos dois minutos o argentino recebe um cruzamento de Clichy dentro da área, mas não consegue controlar bem a bola, antes do remate. Um minuto depois, o argentino remata pela direita, de olhos virados para o canto esquerdo da partida, mas a bola volta a sair fora. Sergio Aguero shoots O City assumiu o controle da posse de bola em casa do Southampton, procurando de forma persistente, pelo gol da vantagem. No entanto teria de esperar até ao segundo tempo para festejar. Durantes os primeiros 45 minutos, o City pressionou e procurou por espaço, no entanto o Southampton provou ser um adversário renhido, não permitindo aos homens de Guardiola, grandes chances. O City subia no terreno, mas os Saints souberam responder. Destaque para o espanhol Jesus Navas, Vincent Kompany, Nicolás Otamendi, Fernandinho e Sergio Aguero que não poderia sair de campo sem deixar um gol. Sergio Aguero on the attack Uma das grandes oportuinidades durante o primeiro tempo, surgiu aos 37 minutos, quando Aguero cruza pela esquerda em direção a David Silva na área, no entanto o remate do espanhol acabou por sair fora. Um minuto depois Leroy Sané tentou a sua sorte. O jovem alemão procurou passar por Forster na baliza, mas acabou por cair na área antes de conseguir o remate para o gol. Ainda houve tempo para um pequeno susto, já ao cair do pano, quando Aguero sofreu uma dura entrada de Redmond. O segundo tempo começou com ritmo e uma ameaça de Yaya Touré à baliza do Southampton, ao qual Forster estava atento. Até que aos 55 minuto, Vincent Kompany de cabeça, abriu o placar, após um canto/escanteio convertido por David Silva. Após um longo período em recuperação, o capitão de equipe afirmou estar de volta, dando a merecida vantagem à sua equipe. Kompany celebrates O Southampton mexeu no plantel, com esperanças de encontrar o gol do empate. O jogo ganhava mais intensidade, até que aos 76 minutos Leroy Sané marcou o segundo do City. Uma fantástica jogada de Silva para De Bruyne, deu ao belga a possibilidade de assistir Sané, em mais um gol brilhante, com finalização percisa de pé esquerdo fazendo o seu nono gol da temporada. Ainda os fãs do City celebravam o segundo gol, quando Sergio Aguero surpreendeu com o terceiro, mais uma vez com assistência de Kevin De Bruyne. Este é o 11º gol do argentino em 11 partidas consecutivas. Com esta vantagem confortável e a 10 minutos para os 90, já pouco ou nada o Southampton poderia fazer. Leroy Sane is brought down Pep Guardiola aproveitou para colocar Raheem Sterling, Pablo Zabaleta e Kelechi Iheanacho, para os últimos minutos de jogo. Homem do Jogo Os fãs do ManCityPT na conta do Twitter, elegeram Kevin De Bruyne como o “Melhor Jogador em Campo”. Kevin De Bruyne attacks Com duas brilhantes assistências, ritmo, adrenalina e dedicação, o belga volta a captar as atenções da torcida. O que significa? O City ocupa o terceiro lugar da tabela da Premier League, ao lado do Liverpool com 64 pontos e isola-se do Everton (5º), United (6º) e Arsenal (7º). O que se segue? No próximo domingo dia 23 de abril, o City enfrenta o Arsenal em Wembley nas semifinais da FA Cup. Os homens de Guardiola, procuram por um lugar na final da Copa da Inglaterra. No dia 27 de abril é dia de derby, na Premier League. O City recebe o United, no Etihad.

Os gols de Vincent Kompany, Leroy Sané e Sergio Aguero, garantiram os três pontos em casa dos Saints.

Crônica da partida

Man City 3-1 Hull

AGUERO Gol contra Hull

City vence o Hull de forma confortável, no Etihad!

O Manchester City conquista três pontos, num agradável jogo de futebol no Etihad!

Notícias da equipe principal

Guardiola: "Temos de conquistar o máximo de pontos possíveis"