quote feed-section sponsor-promos cf show linkedin dugout

Notícias da equipe principal

Vídeo 1 Fotogaleria

Guardiola: "Jesus é um centroavante especial"

PREVIEW: Pep Guardiola addresses the media ahead of the weekend's game against Watford.

PREVIEW: Pep Guardiola addresses the media ahead of the weekend's game against Watford.

De acordo com Pep Guardiola, Gabriel Jesus é um centroavante especial que seria impossível de substituir.

O brasileiro começou entre os 11 titulares no jogo de meio de semana contra o Shakhtar, pela Liga dos Campeões, e marcou o terceiro e último gol da vitória do City por 3 a 0, tendo uma atuação de alto nível.

Com Sergio Aguero já tendo marcado sete gols em cinco jogos de Premier League nesta temporada, Guardiola tem à disposição uma força ofensiva de grande qualidade.

“É difícil de encontrar um centroavante como Gabriel em qualquer lugar do mundo”, afirmou o treinador do City.

“Ele é o número 9 do Brasil, seu comportamento nos treinos é excepcional e ele tem concorrido por um lugar na equipe com um dos melhores centroavantes que eu já vi na vida, que é o Aguero”.

“Eu não vou encontrar um jogador como Gabriel. Para substituir Sergio você deve ser um jogador de alto nível”.

“Estou muito satisfeitos com os centroavantes. Quando Gabriel joga, ele faz absolutamente tudo. Como ele fez na Ucrânia, não apenas pelo gol, mas pela garra e forma de jogo”.

O City enfrenta o Watford nesse fim de semana, em partida que verá o clube comemorar seu 125º aniversário.

A última vez que enfrentamos os Hornets foi na final da FA Cup, em maio, quando o City teve uma atuação implacável para vencer por 6 a 0 e se tornar o primeiro time do futebol inglês a vencer os quatro troféus nacionais em uma única temporada.  

Desde então, o Watford trocou Javi Garcia por Quique Sanchez Flores, que volta ao clube para sua segunda passagem como treinador, e parece ter encontrado um novo equilíbrio no empate por 2 a 2 contra o Arsenal no último final de semana.  

Para Guardiola, o desempenho visto naquela final em Wembley não terá nenhum efeito sobre o jogo de sábado.

“Foi o último jogo da temporada, nós jogamos sabendo que poderíamos entrar para a história do futebol inglês”, disse o treinador.

“Tivemos alguns problemas no início, mas depois fomos muito bem. Tínhamos vencido a Premier League uma semana antes”.

“Agora é completamente diferente. É o começo da temporada, eles agora têm Quique Sanchez Flores. Vi o segundo tempo que fizeram contra o Arsenal. Foi incrível como jogaram”.

“Cada jogo tem seus problemas. Não comparo com a final da FA Cup”.

Notícias da equipe principal

Fernandinho: "Estava pronto para jogar atrás"

Notícias da equipe principal

Guardiola celebra trio do City

LEADING MAN: Pep Guardiola takes in the atmosphere at the Metalist Stadium ahead of kick-off

Técnico elogiou Gundogan, Mahrez e Fernandinho na vitória do City sobre o Shakhtar

Técnico elogiou Gundogan, Mahrez e Fernandinho na vitória do City sobre o Shakhtar

Crônica da partida

City faz três e estreia bem na Liga dos Campeões