O treinador catalão ficou feliz pela fantástica exibição da sua equipe, apesar de ter vencido pela margem mínima

O Manchester City venceu em casa frente ao Chelsea por 1x0 com gol de Bernardo Silva. Guardiola está neste momento a quatro partidas de ser campeão, isto se o United e Liverpool vencerem todos os jogos, assim como City.

O Manchester City tem neste momento a maior vantagem de pontos, desde 2006, e com mais quatro vitórias, a conquista da Premier League fica garantida.

"O que interessa é sermos campeões, isso é o que realmente interessa." Disse Guardiola.

"Eu nunca falo sobre os recordes ou digo que temos de vencer um certo número de jogos para conseguir um recorde. Vamos jogar da mesma maneira frente ao Basileia. Não vamos jogar pelos recordes, os recordes são consequência do que já fizemos."

"Criámos chances suficientes para vencer esta partida, para fazer mais gols," e acrescentou, "A nossa pressão alta foi excelente por isso estamos muito felizes, pois é mais um passo em frente para sermos campeões. Temos 76 pontos."

"Não concedemos um único remate à baliza. Fizemos uma grande exibição frente aos campeões."


                        Pep: "O que interessa é sermos campeões"

"Quem poderia acreditar (no início da temporada)? Nunca. Não só em termos de resultados, mas pela maneira como jogamos, que é uma demonstração dos nossos desejos e isso acontece quando estamos satisfeitos. Até agora temos sido muito bons."

Aguero queria fazer o gol 200 pelo City mas a defesa do Chelsea não deixou. O treinador deixou umas palavras de consolo ao ponta argentino.

"No último mês/dois meses, o Aguero tem sido o melhor que já alguma vez vimos."

"Ele está com fome (de gols) e tem o desejo de seguir em frente, sim ele não fez gol hoje mas esteve muito bem."