quote feed-section sponsor-promos cf show linkedin dugout

Notícias da equipe principal

Vídeo 1 Fotogaleria

Pep: Home is where the heart is

Pep Guardiola believes City’s home form is the key to qualifying for next season’s Champions League.

The Blues are well-placed in fourth spot with games in hand over third-placed Liverpool but with the majority of City’s remaining fixtures at the Etihad, Guardiola is hoping familiar surrounds and the supporters can help his team over the line.

“We have six games left and four of them are at the Etihad so we depend on our fans helping us as much as possible,” said Pep.

“Tomorrow is the first of those home games and it is important that we take three points towards qualifying for the Champions League next season.

PEP GUARDIOLA: Watching over Aleksander Kolarov

“Manchester United are a good side. They are a good rival, with good quality in their squad and they have been on a long Premier League run without defeat so we know how difficult this will be.

“Our win at Old Trafford earlier in the season is a fact, but the way we play every game is what we should talk about.

“We should analyse our performance game by game, rather than what happened in one game.”

The Blues’ boss added that of the teams battling for the remaining two Champions League berths (assuming Chelsea and Spurs are as good as qualified), it will be the sides that make the fewest mistakes who will finish in the top four.

Said Pep: “The team that fails the least in the final few games will go to Champions League with Tottenham and Chelsea.

“As for this season, we still have a lot of hard work to do. On a personal level, I have been managing nine years and this is my first without a trophy.

“It had to happen one day and it happened this season and it will happen again if I manage for a long time. But there are a lot of teams in Europe that won’t win anything this season.”

After the disappointment of Wembley, Pep revealed his players are slowly recovering from the loss to Arsenal, adding: “Today was better than yesterday and tomorrow will be better than today.

“The semi-final is over, it’s in the past. We played to win, we were better, but we didn’t win, so congratulations to Arsenal. “

 

Crônica da partida

Chegou ao fim o sonho do City na FA Cup

Crônica da partida

Southampton 0-3 Man City

Vincent e Silva celebram o gol do capitão

O que aconteceu? Com Vincent Kompnay de regresso à titularidade, o City entrou no jogo com o objetivo de regressar a Manchester com os três pontos. Sergio Aguero foi o primeiro a ameaçar a baliza da equipe da casa. Logo aos dois minutos o argentino recebe um cruzamento de Clichy dentro da área, mas não consegue controlar bem a bola, antes do remate. Um minuto depois, o argentino remata pela direita, de olhos virados para o canto esquerdo da partida, mas a bola volta a sair fora. Sergio Aguero shoots O City assumiu o controle da posse de bola em casa do Southampton, procurando de forma persistente, pelo gol da vantagem. No entanto teria de esperar até ao segundo tempo para festejar. Durantes os primeiros 45 minutos, o City pressionou e procurou por espaço, no entanto o Southampton provou ser um adversário renhido, não permitindo aos homens de Guardiola, grandes chances. O City subia no terreno, mas os Saints souberam responder. Destaque para o espanhol Jesus Navas, Vincent Kompany, Nicolás Otamendi, Fernandinho e Sergio Aguero que não poderia sair de campo sem deixar um gol. Sergio Aguero on the attack Uma das grandes oportuinidades durante o primeiro tempo, surgiu aos 37 minutos, quando Aguero cruza pela esquerda em direção a David Silva na área, no entanto o remate do espanhol acabou por sair fora. Um minuto depois Leroy Sané tentou a sua sorte. O jovem alemão procurou passar por Forster na baliza, mas acabou por cair na área antes de conseguir o remate para o gol. Ainda houve tempo para um pequeno susto, já ao cair do pano, quando Aguero sofreu uma dura entrada de Redmond. O segundo tempo começou com ritmo e uma ameaça de Yaya Touré à baliza do Southampton, ao qual Forster estava atento. Até que aos 55 minuto, Vincent Kompany de cabeça, abriu o placar, após um canto/escanteio convertido por David Silva. Após um longo período em recuperação, o capitão de equipe afirmou estar de volta, dando a merecida vantagem à sua equipe. Kompany celebrates O Southampton mexeu no plantel, com esperanças de encontrar o gol do empate. O jogo ganhava mais intensidade, até que aos 76 minutos Leroy Sané marcou o segundo do City. Uma fantástica jogada de Silva para De Bruyne, deu ao belga a possibilidade de assistir Sané, em mais um gol brilhante, com finalização percisa de pé esquerdo fazendo o seu nono gol da temporada. Ainda os fãs do City celebravam o segundo gol, quando Sergio Aguero surpreendeu com o terceiro, mais uma vez com assistência de Kevin De Bruyne. Este é o 11º gol do argentino em 11 partidas consecutivas. Com esta vantagem confortável e a 10 minutos para os 90, já pouco ou nada o Southampton poderia fazer. Leroy Sane is brought down Pep Guardiola aproveitou para colocar Raheem Sterling, Pablo Zabaleta e Kelechi Iheanacho, para os últimos minutos de jogo. Homem do Jogo Os fãs do ManCityPT na conta do Twitter, elegeram Kevin De Bruyne como o “Melhor Jogador em Campo”. Kevin De Bruyne attacks Com duas brilhantes assistências, ritmo, adrenalina e dedicação, o belga volta a captar as atenções da torcida. O que significa? O City ocupa o terceiro lugar da tabela da Premier League, ao lado do Liverpool com 64 pontos e isola-se do Everton (5º), United (6º) e Arsenal (7º). O que se segue? No próximo domingo dia 23 de abril, o City enfrenta o Arsenal em Wembley nas semifinais da FA Cup. Os homens de Guardiola, procuram por um lugar na final da Copa da Inglaterra. No dia 27 de abril é dia de derby, na Premier League. O City recebe o United, no Etihad.

Os gols de Vincent Kompany, Leroy Sané e Sergio Aguero, garantiram os três pontos em casa dos Saints.

Crônica da partida

Man City 3-1 Hull

AGUERO Gol contra Hull

City vence o Hull de forma confortável, no Etihad!

O Manchester City conquista três pontos, num agradável jogo de futebol no Etihad!