A nossa Lista de hoje apresenta sete irmãos que já vestiram a camisola do City....  

Kolo e Yaya Toure

Os mais bem sucedidos irmãos na história do City, Yaya e Kolo Toure conquistaram ambos o título da Primeira Liga com o Azuis, em 2012 ganhando também em 2011, as medalhas da FA Cup. O defesa Kolo chegou a Manchester em 2009 , tendo o seu irmão mais novo, se juntado a ele vindo do Barcelona um ano depois. 

Kolo Toure


Ambos deixaram a sua marca no Estádio do Etihad, tendo Kolo marcado presença em mais de 100 jogos pelos Azuis antes de deixar o clube no Verão para se juntar ao Meseyside, por sua vez Yaya Toure já participou em 35 competições até á data- incluíndo a vitória frente ao Stoke na final da FA cup em Wembley.

Os dois participaram ainda em 186 jogos pela seleção da Costa do Marfim e têm ainda um terceiro irmão também ele jogador, a jogar na Primeira Liga da Libia.


Shau e Bradley Wright-Phillips

Os filhos do avançado Ian Wrighht do Arsenal, Shaun e Bradley Wright-Phillips, são ambos jogadores da Academia do City E evidenciaram de imediato as suas apetidões no futebol.

O mais velho, Shaun, tonou-se rapidamente num herói no Maine Road e ganhou o título de melhor Jogador Jovem do Ano quatro vezes seguidas, entre 2000 e 2003.  A sua performances levou-o a uma estréia pela Inglaterra em 2004 e um ano mais tarde, o jovem atacante foi emprestado ao Chelsea.

SWP General Game Shot1

Para alegria dos fãs, regressou em 2008 e marcou dois golos em Sunderland.

O atacante Bradley não teve a mesma sorte durante a sua transição para a equipa titular depois de e foi vendido ao Southampton depois de fazer 32 jogos no campeonato.

 Enquanto Shaun está agora no Queens Park Rangers, o seu irmão está a saborear a vida em Nova York com os Red Bulls ao lado de Thierry Henry.


Ian e David Brightwell

Os irmãos Brightwell ambos começaram a sua carreira no City, tendo Ian feito parte da equipa que venceu a FA Youth Cup em 1986.

Três anos mais velho do que o seu irmão, Ian acumulou 382 apresentações em 12 épocas pelos Azuis onde viveu alegrias e momentos amargos.


Ian Brightwell

David jogou apenas 49 vezes com a camisola do City e contou com inúmeros empréstimos pelo Chester, Lincoln, Stoke e Bradford, num total de sete anos, mas gozou de uma carreira estável na qual fez um total de 303 aparições em dez clubes diferentes.

Jim e Jeff Whitley

Jim e Jeff Whitley ambos apareceram no City durante a década de 90,  tendo Jeff o irmão mais novo, iniciado a sua carreira com os Blues apenas com dez anos de idade.

Esteve presente em 116 jogos pelo City, marcou seis golos do meio-campo antes da sua saída para o Sunderland em 2003.  Jogou nas três divisões pelo City e teve uma época brilhante na Pimeira Liga. Esteve ainda presente na famosa final em Wembley frente ao Gillingham, tendo subido á Segunda Divisão, de forma dramática em 1999.

Jeff Whitley

Jim teve um inicio de carreira brilhante

Jim teve um início promissor de sua carreira, quando ele foi eleito na Cidade Jovem Jogador do Ano em 1998, após apenas fazendo sua primeira estréia na equipe em janeiro daquele ano. Após 38 jogos no campeonato, o meio-campista deixou para Wrexham em 2001.


Ron Paul e Futcher

 Os irmãos gêmeos Paulo e Ron Futcher chegaram ao City no Verão de 1978 e permaneceram por uma temporada, ambos começaram as suas carreiras em Chester e mudaram-se para o Luton Town.

Paul tornou-se no melhor contrato do City e o mais caro defesa do país, quando se mudou para o norte por £350.000 em Junho, o seu irmão juntou-se a ele no Maine Road em Agosto de 1979.


Paul Futcher


Num total de 54 presenças na Liga, sobre o domínio do treinador Tony Book, Ron marcou sete golos pelos Azuis, enquanto Paul perdia o seu lugar para Tommy Booth.

Ron jogou ainda nos Estados Unidos durante uma pausa de Verão, onde o sucesso o acompanhou até ao outro lado do Atlântico, foi Campeão da Soccer Bowl em 1983 pelos Tulsa Roughnecks.