Hoje a FA, Premier League e Football League publicaram o seguinte comunicado:

A Premier League, FA, EFL e WSL concordaram coletivamente em adiar o futebol profissional na Inglaterra.

Após uma reunião com os acionistas, foi decidido por unanimidade suspender a Premier League com a intenção de retornar no dia 4 de abril, sujeito a aconselhamento médico e às condições do momento.

O diretor-presidente da Liga Principal, Richard Masters, disse: “Acima de tudo, desejamos rápidas recuperações a Mikel Arteta e Callum Hudson-Odoi, e todos os demais afetados pelo COVID-19.

“ Nesta situação sem precedentes, estamos trabalhando em estreita colaboração com nossos clubes, governo, FA e EFL. Visar a saúde e o bem-estar dos jogadores, funcionários e torcedores são nossa prioridade. ”

Apesar dos desafios, o objetivo da Premier League é reprogramar as partidas, incluindo aquelas jogadas pelas equipes de base, para quando for seguro fazê-lo.

Neste ambiente de rápidos acontecimentos, novas atualizações serão fornecidas quando apropriado.

Em conformidade com o exposto acima, o Manchester City pode confirmar que as atividades de futebol da equipe de base masculina e feminina serão suspensas, juntamente com as atividades de treinamento do City in Community, até novo aviso.

Os ingressos e a hospitalidade de qualquer partida afetada permanecerão válidos para as datas remarcadas, detalhes e informações seguirão oportunamente.